Orlando Carvalho foi um dos pioneiros da sociologia eleitoral brasileira. Ao analisar as mudanças da sociedade brasileira nas décadas de 1940 e 1950, ele pedia a renovação dos partidos de centro, como o PSD e a UDN, que, em sua visão, deveriam adaptar suas estruturas à realidade social da urbanização e da industrialização. Orlando defendeu também o direito de voto aos analfabetos. Foi professor da Faculdade de Direito e reitor da UFMG no período de 1961 a 1964. Durante o seu mandato, foi inaugurado o prédio da Reitoria no campus Pampulha. Foi membro da Academia Mineira de Letras, ocupou cargos de diretor do Departamento de Administração Geral do Estado e de secretário de Estado da Educação, durante o governo Milton Campos, no início dos anos 50. Foi fundador e editor da Revista Brasileira de Estudos Políticos. Nos anos 2000, a família doou a biblioteca particular de Orlando Carvalho para a UFMG.

Temática predominante

Direito

Localização do acervo

Divisão de Coleções Especiais e Obras Raras da UFMG
Quarto andar da Biblioteca Central

Normas de acesso

Consulta com agendamento. Para atendimento na sala de pesquisa, é necessário apresentar documento de identificação com foto.

Contatos

(31) 3409-4615
colesp@bu.ufmg.br

Catálogo

O catálogo da coleção está em desenvolvimento e será disponibilizado em breve.